O Berit Mila ( Bris )

Fred. R. Kogen, M.D.

Informação sobre a circuncisão ritual ( e não ritual )

                

                

                

 

                  A decisão de circuncidar um recém nascido é importante para os novos pais. Acredito que a escolha do profissional para conduzir a cerimônia é tão essencial quanto a decisão de fazer, ou não, a circuncisão.

 

                 Como médico e mohel, faço tanto a circuncisão ritual e não ritual de recém nascidos. Tenho a honra de haver trabalhado com famílias judaicas de todas denominações como a conservadora e os movimentos reformista, reconstrutivista e renovador

                 Acolho todos os que desejam um bris espiritual, respeitoso e carinhoso ou a experiência da circuncisão, sem importar sua situação familiar, seja ela de distintas fés, não judaica, interracial, pais solteiros ou de estilo de vida alternativo.  

 

                Você deverá estar ciente de que diferenças entre a circuncisão realizada no hospital e a realizada em casa. Estou convencido de que a circuncisão em casa é mais segura e muito menos traumática. Para realizá-la dessa maneira utilizo vários elementos. Uso anestesia local, doses de acetaminofen, vinho doce kasher ou suco de uva/água com açúcar, antibiótico com pomada de lidocaína  como pós-procedimento e remédios homeopáticos a pedidos. Meus instumentos são esterilizados a vapor e utilizo o método tradicional de circuncisão chamado escudo Mogen que resulta num procedimento de menor duração.

 

                 Como se pode verificar pela informação contida neste web site, eu faço a cerimônia Berit Mila para famílias judaicas e de outras fés, com carinho, dignidade e sensibilidade. Acredito que a cerimônia deva ter um grande significado para a família e transcender  o mero componente cirúrgico da circuncisão.

                 A cerimônia Berit Mila deverá ser educativa, esclarecedora, espiritualmente edificante e deverá incluir todos os membros importantes da família e amigos, sem importar sua formação religiosa. A cerimônia deverá ser celebrada tradicionalmente, num ambiente bonito. Dessa forma, as famílias terão belas memórias de uma experiência que jamais se esquecerão.

                

               Se tiver alguma pergunta sobre a cerimônia Berit Mila, ou sobre a circuncisão do recém nascido, ou se quiser que eu seja seu orador convidado, sinta-se à vontade para entrar em contacto comigo no meu escritório, ligando para (818) 789-3382, por fax sob demanda em (818) 789-3381, ou por email, no endereço: kogen@beritmila.com.

 

                 Atenciosamente,

 

 

                                                                

                  Eu tenho uma visão de como o bris ideal deve ser. A cerimônia deverá  ter beleza, significado e deverá deixar todos os presentes com a sensação de que fizeram parte de um acontecimento especial. Para atingir esse objetivo acredito que a cerimônia deva ser o mais clinicamente segura e não traumática para o bebê o quanto possível, espiritualmente edificante e educacionalmente esclarecedora. Ela deverá incluir membros da família e amigos, homens e mulheres, tanto judeus como não judeus. Quem for importante para as minhas famílias é importante para mim

 

                 O bris começa com o acendimento das velas, continua com poemas ou outras leituras especiais e a explicação completa de cada aspecto da cerimônia. Ao final, todos os presentes terão um melhor conhecimento do ritual.

 

                  A cerimônia inteira não demora mais de 15 a 20 minutos. A circuncisão ocorre no final. O procedimento leva cerca de 60 segundos e ninguém é obrigado a olhar exceto, é claro, o mohel. apenas um pouco de sangue e de choro. O bebê é confortado nos braços de um ente querido e, em seguida, é entregue aos braços dos pais para a conclusão da cerimônia. Normalmente, não é necessária uma plataforma para apoiar o bebê. Para que o bebê se sinta o mais confortável possível, recomendo a aplicação de anestésico local, vinho doce kasher ou suco de uva, Tylenol infantil, uma pequena dose de anestésico misturado com antibiótico e muito carinho.

 

                 Incentivo a decoração com elementos que adicionem beleza e singularidade a cada cerimônia. A mesa da cerimônia deverá estar coberta com uma bela toalha, talvez até pela chuppah do casamento. Pétalas de flores espalhadas pelas bordas da mesa e um arranjo de flores simples dão um toque de elegância. Os cálices de kiddush importantes da família deverão ser incluídos, assim como ítens da herança como velas ou talit especial. Fotos da família, além de lembranças daquele homenageado com o nome do bebê é uma boa idéia. Finalmente, uma carta para o bebê, escrita  pelos pais e  avós será uma lembrança duradoura de uma ocasião breve, mas memorável. Passagens dessa carta poderão ser lidas em outros momentos significantes da sua vida, como seu Bar Mitzvah, casamento e bris de seu filho.

                

                 O bris conduzido apropriadamente pode ser um dos momentos mais inesquecíveis da vida e deverá, sempre, ser uma experiência maravilhosa e marcante.

                 Deve nos reconectar à nossa herança como judeus e você como parente dos que se foram, os quais tiveram seu bris no seu oitavo dia de vida.